quinta-feira, 19 de abril de 2018

Codau leva “Circuito Jazz” ao Parque das Barrigudas



O programa Codau Cultural recebe neste domingo (22) o “Circuito Jazz Uberaba”, no Parque das Barrigudas, na Univerdecidade. A ação integra o programa socioambiental e cultural da autarquia, que tem como objetivo oferecer mais uma opção cultural de qualidade e gratuita para a população uberabense, aos domingos.
O “Parque das Barrigudas” abrirá os portões ao público às 9h. A partir de 10h serão oferecidas atividades de recreação e educação ambiental para as crianças presentes. E às 11h30 começam as apresentações do “Circuito Jazz Uberaba” com Eduardo Machado Trio, Márcio Bahia e Gil Reis. Em seguida, às 13h, será a vez do maestro italiano Davide Logiri com Ricardo Moraes e Tarcísio de Oliveira.
Às 14h30 o show fica por conta do grupo Alma Quarteto, com Dino Rangel, Marcelo Martins, Márcio Bahia e Ney Conceição. Todos os shows do Circuito Jazz 2018 são gratuitos, mas solicitam-se a doação de litros de Leite Longa Vida, que serão doados posteriormente à Apae Uberaba.
Logo na entrada do Parque das Barrigudas, onde está instalada a sede do Centro de Educação e Tecnologia Ambiental do Codau (CETA),  os visitantes receberão sacolas para recolher o lixo e as crianças ganharão um kit de higiene bucal, ação integrante do cronograma de atividades da Turma da Clarinha, de Higiene e Saúde. A iniciativa também contará com os permissionários de alimentação e bebidas, que tradicionalmente comparecem à Concha Acústica. Os banheiros e o aquamóvel também estarão à disposição do público.
O CETA fica na rua Randolfo Borges Júnior, 1000, na Univerdecidade. O projeto é realizado com parceria do Codau, Prefeitura de Uberaba, Fundação Cultural e Funel.

Serviço
Programação “Circuito Jazz Uberaba” no Parque das Barrigudas
9h – Recepção ao público
10h – Atividades de Educação Ambiental com o público infantil (equipamentos de lazer)
11h30 – Eduardo Machado Trio com Márcio Bahia e Gil Reis
13h – Davide Logiri trio com Ricardo Moraes e Tarcísio de Oliveira
14h30 – Alma Quarteto - Dino Rangel, Marcelo Martins, Márcio Bahia e Ney Conceição
16h – Encerramento


Fonte: Assessoria de Comunicação do Codau

quarta-feira, 11 de abril de 2018

Circuito Jazz 2018 movimenta Uberaba

Começa nesta quinta-feira, 12, o Circuito Jazz Uberaba 2018, com a participação de músicos da cidade, de outras localidades brasileiras e inclusive internacionais. Até o dia 23, haverá shows em vários points, todos com entrada liberada mediante a doação de um litro de leite que será doado à Apae Uberaba. O evento tem assinatura de  Tamanduarte Produções e realização em parceria da PMU/Fundação Cultural com o Codau e Carmen Steffens, e apoio de diversas empresas e instituições da cidade. 





Shows de Douglas Oliveira e Bruno Castro, com blues acústico, e de Maurício Winckler, um dos maiores guitarristas de blues do país, com seu trio, abrem o Circuito, nesta quinta, às 20h, no Soho Pub (avenida Santos Dumont, 679). 








Maurício Winckler Trio convidará Douglas e Bruno para uma imperdível jam session encerrando a noite. 











Na sexta-feira, 13, a atração é Fernando Borges Quarteto, às 20h, na Estação Gourmet (Praça Manoel Terra, 284). 



















O grupo Flor de Aguapé, de Ribeirão Preto (SP), interpretará samba e choro no sábado, 14, a partir das 20h, na Chopperia do Mário (rua Artur Machado, 851).












Na Concha Acústica, no domingo, 15, o Circuito apresentará o Quarteto Jazz Mineiro convida Hamilton Faria. O Quarteto Jazz Mineiro é formado pelos músicos: Waldir Jr.(Gtr), Daniel Amancio (Bx), Rafael Camilo (Tcld) e Thiago Vieira (Btr).








No mesmo dia e local, Regina Benedetti e Pedro Pio tocam Tom Jobim e Vinicius de Moraes. 











Dois Pedros e Umas Teclas com Pedro Amui e Pedro Ferreira faz o som do domingo, a partir das 15h, na Casa Di Giulietta (Travessa Cel. José Ferreira, 126, no bairro São Benedito).









No domingo, a Casa Di Giulietta receberá também shows de Elias Brazilian Group com Edson Jr, Eduardo Coelho e Cícerus Cajuzinho mais DJ Panta. 















Na segunda-feira, 16, o Circuito aterrissa na Choperia Archimedes (rua Tiradentes, 121), com Kleiton França Quarteto convida Tim Fernandes, saxofonista de bandas como  Classe A e Miami Beach e atuou em diversas formações da  Orquestra Popular do Cerrado. Na OPC,  acompanhou grandes nomes da música brasileira, como Toninho Horta, Wagner Tiso, Paulo Jobim e João Donato. Também se apresentou com artistas de renome nacional, dentre eles Alexandre Pires. Atualmente, Tim
Fernandes é bacharel em saxofone pela Universidade Federal de Uberlândia, e atua no
cenário musical de Uberlândia e região.









E o Circuito Jazz além de música, tem workshop para crianças carentes de Uberaba ministrado pelo maestro italiano Davide Logiri. Na quarta-feira, 18, às 14h, será na ECAU-Escola de Cultura e Arte de Uberaba (rua Martin Francisco, 99, no bairro Estados Unidos). Na quinta-feira, o encontro com as crianças será de manhã, na Apae (avenida Milton Campos, 350, na Vila Arquelau). 








Ney Conceição, músico autodidata, arranjador e compositor, nascido em Belém do Pará, um dos mais conceituados baixistas do país traz seu quinteto para o Circuito Jazz na quinta-feira, 19, a partir das 20h, na Casa Di Giulietta.




O Laboratório 96 (praça Comendador Quintino, 144) também é um dos points do Circuito Jazz e receberá na sexta-feira, 20, a partir das 20h, o Urutu Trio, com os músicos Carlos Valeriano, Ricardo Ferreira e Tarcísio de Oliveira. 




Leandro Braga Trio com Rodrigo Villa e Rodrigo Scofield, do Rio de Janeiro (RJ), fazem
o segundo show. 












O feriado de Tiradentes, no dia 21, sábado, será repleto de shows, no Crafter’s Beer&Beef (rua Dr. Mozart Furtado Nunes, 349, no bairro São Sebastião), a partir do meio-dia. Entre as atrações estão Jambalaio Trio, com Pedro Amui, Ricardo Moraes e Jack Will, e Davide Logiri Trio, atração internacional (Itália), com participação de Ricardo Moraes e Tarcísio de Oliveira.








Waldemar Weitzel Trio se apresenta e depois convida Douglas Oliveira para jam session.





No dia 22, o show no Domingo no Parque das Barrigudas, será com Eduardo Machado Trio com Márcio Bahia e Gil Reis, e Davide Logiri Trio, com Ricardo Moraes e Tarcísio de Oliveira, a partir das 11h. Apresentação de Con Alma Quarteto, com os músicos Dino Rangel, Marcelo Martins, Márcio Bahia e Ney Conceição encerra a programação do dia. 





O Con Alma Quarteto volta na segunda-feira, 23, para fechar a programação do Circuito, a partir das 20h, na Choperia Archimedes. O saxofonista Marcelo Martins faz parte do quarteto e é um dos mais famosos músicos do país. Ele toca com Djavan, Gilberto Gil  e outros gigantes da MPB.










O Con Alma convida Luiz Otávio para completar o show. Por conta de um vírus transmitido pela mãe durante a gravidez, o pianista nunca pôde ver o mundo à sua volta. Nasceu cego.  Sua audição foi superdesenvolvida, a ponto de o menino nascido no Méier, na Zona Norte, e criado em Campo Grande, na Zona Oeste do Rio, tirar as primeiras músicas de ouvido, aos 4 anos. Ele toca diversos estilos, do  jazz à MPB e,  inevitavelmente,  é sempre comparado ao grande pianista americano Ray Charles, que por sinal, é uma referência para Luiz Otávio. 


Na loja Circuito Jazz Uberaba 2018 no mall do Shopping Uberaba, ao lado da loja Triton Óculos, está a programação com todas as atrações do evento, que também podem ser conferidas no site oficial www.circuitojazz.com, na página oficial do evento, facebook.com/circuitojazz, e também no Instagram: @circuitojazz2018.











segunda-feira, 5 de março de 2018

Caetano Veloso e filhos fazem show na região

Fotos João Bispo

O Centro de Eventos RibeirãoShopping recebe no dia 28 de abril, às 21h, o show “Caetano, Moreno, Zeca, Tom Veloso”, que reúne o cantor Caetano Veloso e seus três filhos para um show acústico e familiar que celebrará grandes sucessos e a estreia de novas canções. 
No show, músicas escolhidas pelos filhos estarão no repertório, entre elas como "Um canto de afoxé para o bloco do Ilê", “Leãozinho” e "Sertão", além de clássicas de Moreno e novas canções, inclusive escritas por Caetano. O show acústico contará apenas com os quatro em palco, já que o talento é comprovado geneticamente na família. 


No palco, os quatro passeiam por um repertório de 28 canções. A maioria, obviamente, é de autoria do patriarca, mas há também contribuição dos filhos, como é o caso de Um canto de afoxé para o bloco do Ilê. Há as sugeridas pelos filhos, outras remetem a momentos marcantes da trajetória artística e da vida de Caetano. A marchinha tropicalista Alegria, alegria, finalista do Festival da Record de 1967, que apresentou o artista ao Brasil, foi solicitada por Moreno. Já o pouco conhecido tema religioso Ofertório foi composto em 1997, a pedido da irmã Mabel, para a missa comemorativa aos 90 anos de Dona Canô, a saudosa matriarca dos Veloso. “Há muito tempo tenho vontade de fazer música junto a meus filhos publicamente. Desde a infância de cada um deles gosto de estar presente. O show nasceu da minha vontade de ser feliz”, explica Caetano Veloso.

Pontos de venda:
Bilheteria do Centro de Eventos e site www.ingressorapido.com.br
Informações: 16. 3620-2266




SERVIÇO
Caetano, Moreno, Zeca e Tom Veloso
Data: 28 de abril de 2018
Horário: 21h
Local: Centro de Eventos do RibeirãoShopping

Fonte: Assessoria de Imprensa Virazóm
Conceito Comunicação 

Mulheres mostram histórias de superação

Fotos Francis Prado

A exposição “Irmãs de Alma”, com fotos das modelos do Calendário Atma Doze Guerreiras, edição 2018, terá abertura oficial nesta terça-feira, 6, às 19h, mas a mostra já está à disposição no mall, desde esta segunda-feira, 5. Assinadas pela fotógrafa Francis Prado, as fotos destacam mulheres que já superaram o câncer ou ainda estão em tratamento. Elas aceitaram o convite do grupo solidário Doze Guerreiras visando a dar exemplo de superação e, ao mesmo tempo, serem solidárias à Vencer-Voluntários Empenhados contra o Câncer, instituição beneficiada com a renda obtida com a venda do calendário.

Com patrocínio da Unimed Uberaba e o trabalho de profissionais voluntários, o calendário estará disponível para quem quiser adquiri-lo durante a exposição que permanecerá no local até o dia 18. O grupo Doze Guerreiras é liderado pelas “modelos” de 2015, as empresárias Ana Paula Rodrigues e Viviane Quirino




A abertura oficial contará com a presença de público formado por autoridades, pelas estrelas das edições de 2015, 2016 e 2018, suas famílias e convidados, além de integrantes da imprensa e de importantes obras sociais da cidade.

 As Guerreiras 2018 são: Renata Maria Morais Garcia da Silveira (janeiro), Claudia Moutran (fevereiro), Valdirene de Sousa Medina (março), Daniela Braga Tarquinio Mendes (abril), Luane Barbosa dos Santos e Lucimar Silva Cruz (maio), Regina Borges (junho), Soraia Abud Ibrahim (julho), Juliana Saraiva Fiochi Pena (agosto), Mônica Cristina da Silveira (setembro), Renata de Carvalho (outubro), Andreia Monteiro Dorneles (novembro) e Ednilva Araújo (dezembro).

Bem por Elas - Em parceria com a TV Integração, o Shopping promoverá a terceira edição do evento Bem por Elas, que consiste no corte gratuito de cabelos por conceituados profissionais, mediante a doação de suco de caju que será entregue à Vencer. A arrecadação dos cabelos será repassada para a confecção de perucas destinadas a mulheres carentes em tratamento de câncer. Será no período de 6 a 8 de março, em loja na Entrada G. Entre os profissionais convidados está o hair stylist Kayronn Paiva. No primeiro ano, 90 mulheres fizeram a doação; no ano passado foram 364. Vale ressaltar que a maioria das doadoras é formada por colaboradoras do Shopping Uberaba, de lojas e da administração. 

Língua Afiada: circuito ou circuíto?





A palavra é CIRCUITO e não CIRCUÍTO. Erro assim é muito comum. É o chamado erro de prosódia, parte da fonética que trata da acentuação tônica das palavras. O termo circuito é bastante utilizado em eventos esportivos como circuito de Fórmula 1. Também significa o treino de um atleta, o roteiro de uma viagem, enfim, a palavra define o que é cíclico.
Já vi a mesma confusão acontecer, por exemplo, com a palavra GRATUITO, forma correta. Quantas vezes os ouvidos de estudiosos da Língua Portuguesa doeram ao ouvir alguém dizer que tal evento é GRATUÍTO? 
Para quem fica em dúvida tem um macete fácil, fácil: separação de sílabas. CIR CUI TO, GRA TUI TO. É que nas palavras há um ditongo UI, que não se separa. O mesmo ocorre com fluido: FLUI DO, gratuito GRA TUI TO, fortuito FOR TUI TO. Observe que em nem um dos casos há acento no I. Portanto,  a tonicidade ocorre nas sílabas CUI (cir-cui-to), TUI (gra-tui-to),  FLUI (flui-do), TUI (for-tui-to), TUI (in-tui-to). Imagine como soaria estranho a gente dizer que o INTUÍTO do evento beneficente é ajudar as pessoas. O correto é INTUITO.  Em todos os exemplos, u é a vogal tônica. Acho que estamos combinados, não? 


































quinta-feira, 1 de março de 2018

Março chega recheado de eventos culturais

A programação de março do Centro de Cultura José Maria Barra/Sesiminas está imperdível! A maior parte das atividades é gratuita e, portanto, as inscrições para as vagas limitadas devem ser feitas na secretaria. Começando pelo Workshop de Fotografia com Celular com o fotógrafo Arthur Matos, no dia 6, das 19h às 21h, no Casarão, com entrada gratuita, e pela Aula Aberta de Stiletto, com Alexandre Henrique, às 19h30, passando pela abertura de "Quando olho para trás, vejo o futuro" do artista, educador, empreendedor da Criatividade, curador, galerista e diretor criativo da Casa de Criar, Juny Kp, na Galeria Sesiminas, com abertura marcada para o dia 8, às 19h e também pelo palco aberto com Noite de Variedades, dia 10, às 20h, no Teatro Sesiminas, com entrada gratuita. 
Ainda no dia 8 haverá Aula Aberta de Ritmos, com Alexandre Henrique, no Casarão, às 19h30. E exclusivamente para mulheres, haverá Oficina de Teatro para Lideranças, das 14h às 18h, no Casarão.  No dia 9, os núcleos de Viola Caipira e Dança de Salão sse apresentarão na Praça Dom Eduardo, às 20h.
Vic Alves ministrará Oficina de Expressão Corporal House Music, no dia 15, das 19h às 20h30, no Casarão.  Oscar Capucho é o convidado para ministrar a Oficina de Sensibilização Corporal, no Instituto de Cegos do Brasil Central, na rua Marquês do Paraná, 351. Nos dias 13 e 15, no Casarão, será promovida a Oficina de Teatro para Lideranças, com ingressos vendidos por R$ 100, destinada aos profissionais que buscam melhorar a comunicação nas suas áreas de atuação. Mais informações pelo telefone (34) 3322-2021.

























terça-feira, 27 de fevereiro de 2018

Orquestra e Chico Lobo fazem show dia 2


Para celebrar os 198 anos de Uberaba, no dia 2 de março, a Fundação Cultural, em parceria com o Centro de Cultura José Maria Barra/Sesiminas, promoverá concerto especial da Orquestra Municipal de Uberaba e convidados, a partir das 19h. A entrada é gratuita, mas é importante destacar que será respeitada a capacidade do teatro.

Será uma grande homenagem ao aniversário da cidade e à cultura popular local. Arranjos inéditos prometem encantar o público em uma mistura de manifestações culturais que participarão do concerto como convidados especiais. 


Também integra a programação, show do violeiro Chico Lobo, que tem mais de 30 anos dedicados à viola caipira - 10 cordas. Ele é apontado pela crítica como um dos mais ativos e efetivos violeiros no processo de valorização e divulgação deste instrumento típico, no cenário nacional e internacional.